Pontes danificadas pelas fortes chuvas são reconstruídas pela Prefeitura

Depois do município ser atingido severamente pelas fortes chuvas dos últimos meses, a Prefeitura de Coimbra aproveitou esse período de estiagem para dar início ao processo de reconstrução das pontes danificadas, principalmente na zona rural do município.

Um levantamento mostra que cerca de dez pontes foram bastante atingidas e precisarão ser reconstruídas, nos seguintes locais: Córrego São Roque, Taboa, São Venâncio, Lourenço, Gouveia, Moinhos, Tamanduá, Chorão e Marengo.

Os trabalhos, realizados com recursos próprios do município através de uma gestão eficiente de controle dos gastos públicos, serão executados de forma simultânea, começando por aquelas que oferecem risco ou inviabilizam o acesso dos moradores.

“As obras estão a todo vapor! Aguardávamos uma estiagem maior para que os trabalhos não fossem prejudicados pelas chuvas. Temos certeza que, em breve, todas as pontes serão reconstruídas, trazendo mis conforto e segurança para os produtores rurais e suas famílias”, destacou a prefeita Maria Raimunda dos Santos Martins.

“Aproveitamos para agradecer a população a compreensão e a confiança depositada em nosso trabalho”, acrescentou o vice-prefeito, Nilson Ladeira.

Equipes da Prefeitura seguem trabalhando na recuperação das áreas atingidas pelas chuvas

As fortes chuvas que atingiram diversos municípios da região nos últimos dias, vem trazendo muitos transtornos para a população. Em Coimbra, as comunidades da zona rural foram as mais prejudicadas e algumas estradas foram muito castigadas.

Desde os primeiros registros de áreas afetadas, as equipes da Prefeitura estão atuando nos pontos mais críticos, como por exemplo, na recuperação da ponte da comunidade Córrego do São Roque, que teve a estrutura comprometida pelas chuvas e oferecia riscos para quem passasse pelo local.

Já em relação a recuperação das estradas, devido às chuvas frequentes, o serviço de patrolamento e cascalhamento ficou comprometido, sendo necessário uma estiagem maior para que o trabalho seja concluído.

O mesmo acontece na recuperação do desvio que liga as cidades de Coimbra e Ervália. A administração municipal está solidária ao Governo de Minas e aos municípios vizinhos, oferecendo máquinas, caminhões e mão de obra para os trabalhos, mas com a incidência de chuvas, o serviço apresenta dificuldades em avançar.

Até agora, só em Minas Gerais 196 municípios decretaram situação de emergência após chuvas. Janeiro de 2020 foi considerado o mês mais chuvoso no estado, desde que se começou a medir e acompanhar o índice pluviométrico em Minas, em 1910.

Apesar disso, todos os esforços estão sendo feitos pela Prefeitura para dar uma resposta rápida a população em todos os pontos atingidos pelas chuvas. Vamos continuar trabalhando e aproveitamos para agradecer a compreensão de todos!

Reconhecimento pelos trabalhos realizados em nosso município

A Prefeita Maria Raimunda (Diquinha) manifesta, por meio deste, os agradecimentos aos seus secretariados pelo empenho e dedicação no excelente trabalho que vêm realizando em nosso município. Torna-se imprescindível poder contar com a parceria e apoio de todos vocês. Em forma de agradecimento, elevamos o nosso município para o contexto de nossas ações com o devido reconhecimento público.